Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2014

"O volume nasce do nada..."

A propósito dos comentários a "La réalité n'existe pas", é este o antigo artigo que referi a Carlos Fernandes no comentário de 11/08.
A crítica que fiz à argumentação hegeliana desenvolve-se a partir do 2º parágrafo desta p. 445. Julgo que se ela ou outra crítica equivalente for válida, e se não se aceitar outra argumentação equivalente àquela mas livre destas objeções, então não se poderá estender à realidade material a afirmação matemática de que "o volume nasce do nada". E a questão passa a ser a de como as estruturas matemáticas têm sucesso na explicação da realidade material...

"La réalité n'existe pas"

Este é o provocante título do número de julho-agosto da revista de divulgação científica La Recherche (Nº 489), em função do seu Dossier “Qu’est-ce que le réel?”. Ou mais precisamente, e parafraseando a pergunta de Einstein no título do artigo de P. Ball (pp. 30-34): será que a cerveja que há pouco poisei ao meu lado, tão fresca e borbulhante depois do primeiro gole, aí continua enquanto tenho o olhar poisado nessa estimulante leitura de férias? A resposta do modelo standard da física, no artigo referido e alguns seguintes, é paradoxal. De um lado, pretende-se conceber a cerveja por redução sua a um pequeno menu de partículas e respetivas forças de interação. Mas, do outro lado, enquanto a montagem destas últimas no que chamamos “cerveja” bem parece manter-se entre dois goles, as suas partículas apenas ficam determinadas em cada observação – A parede mantém-se, mas não os seus tijolos!

Um universo platonista

O Dossier começa logo com uma resposta geral ao respetivo título, na entrevista …